A iniciativa Green Legacy superou a meta inicial de plantar 200 milhões de árvores em apenas 12 horas. Campanha quer consciencializar o público para a degradação ambiental na Etiópia. Um exemplo para o mundo.

O primeiro-ministro Abiy Ahmed está à frente do projecto, que pretende combater os efeitos da desflorestação e das mudanças climáticas num país propenso à seca.

Alguns gabinetes públicos foram inclusive encerrados para permitir a participação de funcionários públicos. Milhões de etíopes de todo o país foram convidados a participar no desafio e, nas primeiras seis horas, Abiy Ahmed publicou no Twitter que cerca de 150 milhões de árvores já tinham sido plantadas.

A plantação, que aconteceu esta segunda-feira, 29 de Julho, insere-se na campanha nacional Green Legacy (Legado Verde, em português), cujo objectivo é plantar quatro mil milhões de árvores no país, ainda este Verão. A campanha quer consciencializar o público para a degradação ambiental da Etiópia e alertar para a importância de adoptar um comportamento ecológico. Segundo a ONU, a cobertura florestal da Etiópia foi de apenas 4% nos anos 2000, abaixo dos 35% do século anterior, de acordo com dados fornecidos pelo The Guardian.

Escreva um comentário

FALA CONNOSCO
close slider